sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Silas Malafaia é alvo de condução coercitiva da PF

Pastor é um dos investigados em operação da Polícia Federal sobre cobrança de royalties

 

O pastor evangélico Silas Malafaia foi levado pela Polícia Federal para depor coercitivamente na manhã desta sexta-feira (16), no âmbito da Operação Timóteo. As informações são do jornal O Dia.

Malafaia é suspeito de ter "emprestado" contas correntes de uma instituição religiosa controlada por ele para ocultar dinheiro de origem ilícita proveniente de corrupção e cobranças de royalties.

Também foram expedidos quatro mandados de prisão preventiva, doze de prisão temporária, bloqueio de três imóveis, bloqueio judicial de valores que podem alcançar R$ 70 milhões de reais.

A ação conduzida pelo juiz Ricardo Augusto Soares Leite, da 10ª Vara do Distrito Federal, está sendo realizada em 11 estados do país, dentre eles, Bahia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Sergipe, Tocantins e Rio de Janeiro.



Fonte: GazetaWeb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget

Arquivo do blog

Amazon MP3 Clips