segunda-feira, 16 de julho de 2018

Lula espera que Moro mostre prova ou o liberte até o dia 15

 

Preso político há 101 dias, o ex-presidente Lula recebeu nesta segunda-feira (16) a visita do bispo da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil, Nadal Alves Gomes. “Estivemos uma hora juntos e conversamos sobre a vida, a família, a religião e política”, disse o bispo após o encontro de apoio religioso.


“Ele espera pacientemente que a justiça seja feita e que até o dia 15 de agosto o juiz Sérgio Moro apresente uma prova concreta de sua culpa, mas se não tiver prova concreta, que seja determinada sua soltura”, disse.


Lula refere-se a 15 de agosto porque é neste dia o PT registrará sua candidatura à presidência da República. O bispo Naudal contou que Lula reafirmou sua inocência. “Ele diz: eu sei quem sou eu e o que fiz. Se não apresentam provas, fazer justiça para mim é receber a liberdade”, relatou. “Ele espera que isso ocorra até o dia 15”, reforçou o bispo.


Recentemente um despacho do juiz da 10ª Vara da Justiça Federal em Brasília, Ricardo Leite, absolveu Lula por considerar que as provas são insuficientes e também que a acusação de obstrução de Justiça estava baseada somente em afirmações de delatores. Mais uma vez nos referimos também ao caso do sitio e o triplex do Guarujá. A justiça precisa apresentar provas concretas ou terão que encarar Lula nas urnas ou o povo nas ruas.





Com informações do site oficial de Lula
LEIA TAMBÉM:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog